Uma estrutura internacional adequada é sinônimo de maximização de lucros

Fábio Granato - 27 de setembro de 2016

No artigo da semana passada, você leu sobre o serviço de Suporte Contínuo, uma etapa essencial do ciclo de investimento para imóveis de rendimento.  

Agora, vamos tratar de uma fase que antecede ao suporte, conhecida como Estruturação Internacional, um dos pontos mais importantes em todo o processo de investimento em imóveis internacionais para renda, e que proporciona ao investidor proteção patrimonial, racionalização tributária e controle sucessório, além de contribuir fortemente para a maximização dos rendimentos de sua carteira.

Nesse sentido, o investidor remoto em imóveis internacionais para renda deve estar atento a quatro pontos principais:

1. Planejamento tributário sucessório

A arquitetura societária das operações é muito relevante para a rentabilidade e, muitas vezes, para o sucesso do investimento imobiliário internacional. Devido à complexidade desse tipo de planejamento, é essencial que o investidor conte com profissionais que conheçam profundamente a legislação e a cultura de negócios tanto do país de investimento quanto do país de residência do investidor. Essa pode ser a diferença entre o investidor ter boas rentabilidades e amargos prejuízos em seus investimentos globais.

Para atender a essa necessidade fundamental dos nossos clientes, aqui na Ativore temos um time multidisciplinar de profissionais seniores com experiência internacional e histórico em empresas líderes em consultoria, auditoria, mercado imobiliário e corporate finance, além de advogados e contadores parceiros altamente qualificados que possuem profundo conhecimento da legislação local e internacional.

O desafio é ponderar todos os prós e contras de cada cenário possível para definir a estratégia mais adequada ao perfil do investidor. Entre os diversos fatores a serem considerados, listamos abaixo alguns exemplos para que você tenha uma ideia do grau de importância desse trabalho:

  • Aspectos pessoais e sucessórios: tolerância a riscos (conservador, moderado ou agressivo); estrutura familiar e plano de sucessão (estado civil, dependentes, herdeiros etc.); objetivos pessoais (gerar renda para gastar ou acumular patrimônio, garantir a aposentadoria, salvar para a faculdade dos filhos, se mudar para o exterior e ter um porto seguro financeiro etc.);
  • Aspectos patrimoniais e societários: tipos de ativos que compõem o patrimônio (imóveis, participações em empresas, aplicações financeiras etc.); valor dos ativos e valor total do patrimônio; grau de diversificação internacional (países onde estão localizados os ativos e como estão relacionados – ex: participação em empresa em um país que detém ativos em outro); quantidade e perfil de sócios em cada ativo que compõe seu patrimônio;
  • Aspectos regulamentares e fiscais: impactos tributários na pessoa física e nas empresas, em todos os países envolvidos, como impostos sobre rendimento, impostos sobre ganho de capital, impostos sobre herança e impostos sobre dividendos, além de obrigações declaratórias de renda e capitais no exterior.

2. Avalie a possibilidade de formar uma empresa

Empresas são muito utilizadas como veículos de investimento por investidores imobiliários internacionais para proteção patrimonial e controle de sucessão. É sempre recomendado avaliar a possibilidade de investir por meio de uma empresa, e não diretamente pela pessoa física. Hoje, 100% dos nossos clientes investem em imóveis internacionais para renda por meio de uma ou mais pessoas jurídicas formadas especificamente para esse propósito.

O processo de abertura de empresa no exterior é muito mais simples do que no Brasil, levando em média quatro dias no total, mas deve ser conduzido por advogados locais experientes, que também poderão apoiar o investidor nas renovações de licenças anuais da empresa.

Conforme detalhamos em artigo recente, estratégias com empresas offshore (fora do país onde está localizado o investimento) geralmente são adotadas por investidores com idade avançada (por conta do risco sucessório relativo a impostos sobre herança) e/ou por investidores que tenham uma carteira imobiliária com valor acima de US$ 1 milhão.

3. Providencie uma conta bancária internacional

Se você está investindo em outro país e, principalmente, se pretende usufruir dos rendimentos oriundos desse imóvel, recomendamos que abra uma conta bancária pessoal e/ou corporativa no exterior, sempre respeitando, claro, as regras impostas pelas autoridades monetárias dos países envolvidos.

Isso facilita muito tanto o procedimento de aquisição dos investimentos (em que eventualmente há a necessidade de remessa internacional) quanto o recebimento dos rendimentos provenientes dos seus imóveis para renda.

4. Contratação de contabilidade internacional

Os diferentes sistemas tributários são um grande desafio para os investidores em imóveis internacionais para renda. Por isso, é muito importante o apoio de contadores nos países dos investimentos que dominem as estratégias tributárias mais adequadas, levando em consideração também os tipos de empresa e ativos envolvidos.

É importante notar que aqui estamos falando somente da seleção e contratação do contador, que é muito importante, porém, é só a primeira etapa. O trabalho de contabilidade propriamente dito ocorre anualmente e demanda muita organização e tempo. Nesse contexto, a Ativore também apoia seus clientes com o serviço de Suporte Contínuo ao Investidor, conforme explicamos no artigo da semana passada.

Implementação da Estratégia

Uma vez avaliadas todas as questões necessárias e montado o planejamento, é hora de colocar em prática a estratégia. Aqui é muito importante que as ações sejam sincronizadas e conduzidas por profissionais que conheçam os processos. Cumprimento de prazos, clareza nas informações e rastreabilidade de documentos são extremamente relevantes quando estamos falando de procedimentos que envolvam fluxos internacionais, profissionais com línguas nativas diferentes e culturas de negócio distintas.

Atendendo a mais essa necessidade dos nossos clientes, aqui na Ativore temos uma equipe de apoio operacional altamente treinada para conduzir esses processos com prazo e qualidade. Dessa maneira, o investidor de imóveis para renda da Ativore tem mais tranquilidade e segurança na estruturação de seus investimentos internacionais.

Comentários

Nenhum comentário para esse post.

Adicionar comentário

[custom-page-js]