Manual de sobrevivência ao coronavírus da Blackstone

Ativore Global Investments - 27 de abril de 2020

Resumo da notícia

DefesaUm dos fatores que auxiliaram a empresa durante a crise de 2008 foi possuir caixa o suficiente para suportar seus investimentos existentes, recomprando dívidas ou tomando a gestão das propriedades. Essa é a posição da empresa novamente, com US$ 30 bilhões de capital disponível em fundos em todos os setores para suportar os ativos existentes.

Vendas e Liquidez – Não é um bom momento para vender ativos, já que há muita incerteza e o financiamento da dívida é difícil. As vendas no primeiro trimestre totalizaram US$ 2.5 bilhões no primeiro trimestre, contra US$ 3.1 bilhões no mesmo período do ano passado.

Na ofensiva – Ainda é muito cedo para tomar essa postura no mercado imobiliário, como experiência das crises passadas o primeiro ano após o choque é um período lento para implementação e depois as coisas começam a aumentar e ter capital nesses momentos é uma grande vantagem competitiva, por não depender de financiamento. A empresa tem cerca de US$ 45 bilhões em fundos imobiliários para aquisições.

 

Confira:

Título original – Blackstone’s Coronavirus Playbook

Link da matéria

Comentários

Nenhum comentário para esse post.

Adicionar comentário